Lost – 4×04 – Eggtown

23 fev

Antes de começar a escrever sobre esse ótimo episódio gostaria de responder a Joe que foi a primeira a comentar este ano neste blog ( parabéns 🙂 ). Bem, ela comentou no post “10 coisas que nunca vamos entender em Lost”. Joe, faço suas palavras a minha. Fiquei triste quando mandaram eles pra cova. Tudo porque não deu certo. Foi uma grande injustiça contra o Rodrigo Santoro, que é um excelente ator. Culpa dos roteiristas que não souberam aproveitar o talento dele e, claro, não souberam evoluir a história dos personagens. E olha que eles podiam ter abordado muita coisa.  Enfim é agora tarde já morreram, infelizmente.  

Valeu Joe por comentar e, por favor, se uma outra alma (sem ofensas) ler este blog, dá um “oi” pra Déia ficar feliz.

 Sem mais delongas, vamos ao que interessa.  Quando eu terminei de ver este episódio dei um sorrisão, e como não tinha ninguém em casa, falei em voz alta: “Muito bom!!! Este episódio é o melhor até agora!”. Sim é o melhor e olha que teve gente que não gostou.  Vamos aos fatos do porque desse episódio é tão bom. 

Ele é centrado em Kate, mostrando o seu futuro fora da ilha e também respondendo nossas infinitas perguntas sobre essa série. Ela foi a júri popular pelo assassinato do padrasto e por ser fugitiva, assim como todo mundo já sabe. 

kate.jpg

 O episódio começa com Locke acordando na cama que pertencia a Ben e preparando um café da manhã com dois ovos e um melão, delícia. Este maravilhoso café é para Ben que está sendo mantido preso no porão da sua agora ex-casa. Um diálogo interessante ocorre entre estes dois personagens. Locke visivelmente quer saber o que fazer agora e Ben sabe exatamente isto fazendo John não gosta nadinha. Quando ele fecha a porta do cativeiro de Ben, joga a bandeja, onde havia os ovos e o melão, contra a parede. Só faltou quando mostrou o líder dos Outros ouvindo o ataque de ira de Locke um sorrisinho sarcástico insinuando que ele pensava assim: “Que tolinho. Tá comendo na minha mão.”

 Outro ponto muito bom foi quando Kate convence Sawyer a distrair Locke enquanto ela leva Miles até Ben. Tudo para que o japinha conte que ele sabe a respeito dela.  Ela dá um minuto para Miles falar com Ben ele não enrola e diz que pode contar que Ben morreu se dar 3.2 milhões de dólares. Chantagem velha que todo malandro usa. Mas o mais estranho é como Benjamin Linus pode ser um milionário a ponto em uma semana conseguir essa fortuna. O que esse cara faz fora dessa ilha? Será que o trabalho de veterinário dá isso tudo? Se for isso vou contar pra minha irmã que faz veterinária que ela vai ser a mais nova rica da família e que não é pra esquecer da irmã casula. Brincadeiras a parte, é muito estranho. Tomara que até o fim desta temporada mostre da onde vem o money 

Locke descobriu e não gostou nadinha que foi passado para trás. Fazendo-o se tornar um capitão Nascimento e metendo uma granada na boca do Miles que ficou desesperado. Essa parte foi show.

miles.jpg

Cuidado Miles pra não abrir a boca, senão BUM! Vai virá sushi 

Nos flashes do futuro da Kate o julgamento tá rolando solto. Que entre a próxima testemunha dr. Jack Shephard.  

jacke.jpg

Nesta parte temos muitas, mas muitas respostas. E estas respostas mostram que eles saíram da ilha por mentirem. Porque já haviam encontrado o avião. A história pra boi dormir que Jack conta no seu testemunho é que somente 8 passageiros sobreviveram. Eles caíram no mar e nadaram até uma ilha próxima. Porém sabemos que somente 6 estão fora da ilha, então dois morreram e, infelizmente não foi dito quem são. Isso me leva a crer que eles não foram resgatados pelo tal pessoal do cargueiro e sim os pontos ligam com o episódio anterior onde vemos Sayid trabalhar para Ben. Então tá na cara que Ben deu os 3.2 milhões de dólares ao Miles e fez um acordão com os sobreviventes. Só que isso é só teoria e não sei o que se passa nas cabeças criativas dos roteiristas.  

Por fim, Kate durante os flashes do futuro menciona que ela tem um filho. Ela consegue se livrar da prisão sendo que permanecerá em condicional por 10 anos e não poderá sair do Estado, que creio ser a Califórnia. Achou moleza e aceitou na hora. Quando estava saindo pelos fundos do tribunal encontra nada mais do que Jack. Que a convida para tomar um café, porém ela só aceita no dia que ele for visitar seu filho. Pára tudo. O que ele tem a ver com a criança, será que é pai? Outra pergunta que deve ser respondida. Momento espanto do episódio foi quando ela vai para casa e segue para o quarto do tal filho. Um menino loiro, bonitinho que quando vi achei que era filho do Sawyer, porém ela o chama de Aaron que é o mesmo nome do filho da Claire. Mas que isso? Será que Claire morreu me pediu para a Kate cuidar?  

aaron.jpg

Só saberemos nos próximos capítulos da novela Lost. Não perca!      

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: